Para Sanchez, empate com "melhor time do momento" seria injusto

Portal Terra

SÃO PAULO - O protesto formal feito pelo presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, contra a arbitragem não significa que ele tenha considerado absurda a vitória obtida pelo Santos no último domingo. Para o dirigente, teria sido até "injusto" se o meia Tcheco houvesse empatado a partida quando acertou o travessão aos 40min do segundo tempo. "O Santos fez uma grande partida e mereceu ganhar. É o melhor time do momento", afirmou Sanchez à TV Bandeirantes.

Assim, ele minimizou as reclamações contra o árbitro José Henrique de Carvalho, que segundo o cartola "não influenciou no resultado e sim exagerou nos cartões". Na última segunda-feira, o clube reclamou na Federação Paulista de Futebol (FPF) do juiz, que já expulsou seis jogadores do Corinthians em cinco clássicos apitados. "Mas eu não veto ninguém. O coronel Marinho (presidente da Comissão de Arbitragem da FPF) é competente, talvez seja o melhor do mundo", disse Sanchez.