Dunga diz que convocação para a Copa não deve ter surpresas

Portal Terra

LONDRES - A lista final com os 23 jogadores que irão defender a Seleção Brasileira na Copa do Mundo da África do Sul não deve apresentar surpresas. O técnico Dunga deu a entender que o grupo que está concentrado em Londres para o amistoso desta terça-feira, com a Irlanda, será o mesmo que vai ao Mundial.

O teste no Emirates Stadium será o último antes da convocação para o torneio. - Vivemos de fatos e realidades. Não vamos ter muitas surpresas. Esse grupo é consciente da responsabilidade de defender a Seleção - falou Dunga após o treino desta segunda-feira no estádio do Arsenal.

O discurso do treinador praticamente elimina as chances de Ronaldinho disputar a terceira Copa de sua carreira. O apoiador, apontado como um dos "culpados" pela derrota em 2006, não veste a camisa amarela há quase um ano.

Apesar de Dunga ter defendido o craque do Milan em algumas entrevistas, ele prefere ressaltar o bom trabalho que outros jogadores vêm fazendo pela Seleção. - Não é só uma questão de postura. Eles ganharam também. Ou vai parecer que eles são só bonzinhos - afirmou.

Elano, Júlio Baptista e Ramires, que são os "concorrentes" de Ronaldinho por uma vaga no meio-campo (Kaká é titular absoluto), tiveram participações importantes nas últimas conquistas da Seleção: a Copa América de 2007 e a Copa das Confederações do ano passado.

- Eles conquistaram isso. O grupo foi criado em três anos e meio e sabe o que tem que fazer. Mas no Brasil o que se ganha é parte do passado. Agora, temos que ganhar o próximo - completou, já pensando no torneio na África do Sul.

O treinador deixou claro que colocará em campo contra os irlandeses o que tem de melhor, mas não quer desgastar ninguém. Como muitos brasileiros atuaram no último domingo na Europa, Dunga deve fazer várias alterações durante o jogo.