TJD vai analisar imagens do clássico e pode punir vascaínos

Portal Terra

RIO - O Vasco pode sofrer novas baixas para a disputa da Taça Rio, que começa no próximo sábado. Além dos já suspensos Nílton e Titi, o apoiador e capitão do time, Carlos Alberto, pode ser punido pelo TJD/RJ devido a uma discussão com o lateral-esquerdo do Botafogo, Marcelo Cordeiro.

As imagens da partida devem ser analisadas pelo TJD que pode ou não punir os dois jogadores envolvidos no lance. Na derrota diante do Botafogo, Carlos Alberto tentou defender seu companheiro de clube, o garoto Phillipe Coutinho. No lance em questão, Marcelo Cordeiro não gostou de uma jogada do jovem e tentou intimidá-lo. Carlos Alberto, tomou as dores do companheiro e partiu para cima do lateral alvinegro.

Carlos Alberto poderá ser denunciado no artigo 243-C do novo Código Brasileiro de Justiça Desportiva e correrá o risco de ser suspenso de 30 a 120 dias, além de ser multado entre R$ 100 e R$ 100 mil. O mesmo pode acontecer com ao lateral botafoguense.

O procurador-geral do tribunal carioca, André Valentim, afirmou que quer analisar todos os lances da partida.

"Quero ver esse lance de novo, em detalhes, para saber o que realmente aconteceu, se teve uma animosidade maior entre os jogadores ou algum tipo de ofensa e xingamento", revelou ao site Justicadesportiva.com.br.

Já o meia Carlos Alberto não quis se prolongar sobre o lance e garantiu que só pediu respeito.

"Eu sei perder. Só pedi para não provocar o (Philippe) Coutinho. Só espero que me respeitem", disse.