Fotos picantes na internet fazem medalhista voltar para casa

Portal Terra

PORTAL TERRA - O snowboarder Scotty Lago, medalha de bronze no halfpipe em Vancouver, decidiu voltar mais cedo para casa nesta sexta-feira, depois que fotos picantes sobre ele foram divulgadas na internet.

O atleta americano, que havia sido premiado na final do halfpipe terça à noite, foi a uma festa após a competição vestindo uma camiseta da delegação dos Estados Unidos. Até então nada demais. Porém, durante a festa, alguém registrou o instante em que uma mulher, ajoelhada à frente de Lago, beijava a medalha de bronze.

A foto polêmica, além de outra que mostrava o snowboarder segurando a medalha para a mesma mulher morder sob os olhares do colega de time Greg Bretz, foram expostas no site americano TMZ.

Scotty Lago pediu desculpas para oficiais do Comitê Olímpico Americano (USOC) e da Associação de Esqui e Snowboard dos Estados Unidos e decidiu retornar a Boston, cidade onde mora. O atleta lamentou o incidente, mas frisou que fez uma das melhores provas da sua vida para conquistar a medalha de bronze, sendo pior apenas que o finlandês Peetu Piiroinen e o lendário americano Shaun White.

Em conseqüência de uma série de "desvios de conduta" nos Jogos de Turim, em 2006, que resultaram no desligamento do esquiador de estilo livre Jeret Peterson, o USOC já havia comunicado que esperava melhores comportamentos em Vancouver.