Cuca comemora descanso e pede para Flu "absorver" eliminação

Portal Terra

PORTAL TERRA - O Fluminense estreia quarta-feira na Copa do Brasil, contra o Confiança, em Aracaju. Depois, em jogo que passou de sábado para domingo, o time tricolor começará sua caminhada na Taça Rio contra o Friburguense. Após a eliminação na Taça Guanabara, o técnico Cuca sabe que a pressão será um sintoma constante. Por isso, apresentou seu remédio para curar as sequelas.

"Fomos eliminados nos pênaltis, não foi de forma traumática. Jogamos de igual para igual com o Vasco. Temos que fazer de tudo para não ter sequelas. Dividir a responsabilidade em fatias, sendo a minha a maior, absorver o que aconteceu. O Flamengo foi eliminado depois, na decisão apenas um será o vencedor Acontece com todos", afirmou Cuca.

O treinador enxerga o lado bom da eliminação: o tempo sem partidas para trabalhar visando à estreia contra o Confiança. "Há males que vêm para bem. Estamos tendo muito tempo para trabalhar, vamos realizar um jogo-treino. O time está preparado", garantiu o técnico, que repetiu algumas vezes uma defesa que faz da sua equipe. "Em oito jogos, sofremos gols apenas em um. Temos que ter a confiança elevada, autoestima e os jogadores devem saber que são bons".

No treino desta sexta-feira, os zagueiros Cássio e Dalton e o atacante Maicon, que estavam realizando um trabalho à parte nas Laranjeiras, voltaram à atividade com o restante dos jogadores na Ilha do Governador. O argentino Equi González, que fez artroscopia no joelho, e Julio Cesar, que está com dores no joelho esquerdo, seguem no departamento médico, assim como o atacante Adeílson, que operou o joelho.

Quem terá chance no time titular é Willians, substituto de Diguinho, que cumprirá suspensão ainda por conta de um gancho que levou no Campeonato Brasileiro do ano passado. "Estou feliz por voltar ao time. Terei a função de marcar e também armar as jogadas. Vou procurar fazer o meu melhor", prometeu o jogador.