Marcos Daniel nega ter agredido torcedora na Austrália

Portal Terra

SYDNEY - Marcos Daniel vem passando por maus bocados desde que foi eliminado do Aberto da Austrália. E isso não vem ocorrendo por conta da eliminação, e sim da confusão que aconteceu após o término da partida, em que ele teria agredido uma torcedora.

Em entrevista ao jornal Zero Hora, o tenista contou o que aconteceu de fato, negou ter agredido a torcedora colombiana e disse que a ATP não abrirá uma investigação sobre o caso.

- Um cara me encheu o saco o jogo inteiro e até o árbitro teve que intervir. Quando acabou a partida, mais de 10 minutos depois, o Alejandro Falla (seu rival na ocasião), passou com uns torcedores e eu estava ali, falando com meu técnico. Esse mesmo cara passou por mim, dizendo que eu não sabia perder. Pedi quatro vezes para ele sair e ele continuou rindo da minha cara. Nessa hora eu quis mesmo dar um encontrão nele, mas os seguranças não deixaram. Ele saiu fugido, viu que o negócio tinha ficado feio. Eu quis tirar satisfação, mas os seguranças não deixaram nem eu esticar meu braço. Só penso que, se há uma mulher, algum dos seguranças da minha escolta, no tumulto, possa ter esbarrado nela e ela caiu. Ou ela ter inventando essa história toda. Se aconteceu, eu não vi - explicou o tenista, que negou qualquer investigação por parte da ATP.

- Isso não existe. Falei com o pessoal da ATP para entender a confusão e eles disseram que não tinha nada, que só esclareceriam para a imprensa - disse.