R. Gomes: Oscar encontrará ambiente tenso se voltar ao São Paulo

Portal Terra

SÃO PAULO - O imbróglio judicial envolvendo o meia Oscar virou um assunto não muito bem quisto dentro do São Paulo. Porém, por mais que jogadores e comissão técnica prefiram não fazer comentários, as perguntas sobre a promessa tricolor são inevitáveis.

Nesta terça-feira, durante a entrevista do técnico Ricardo Gomes, não foi diferente. O treinador foi questionado sobre o que achava da atitude de Oscar, do lateral Diogo e do jovem Lucas Piazon, 15 anos, que entraram na Justiça para se livrar dos vínculos com o clube paulista. Político, Gomes preferiu não se meter muito no assunto.

"É um caso complicado. Acho uma pena o jogador não prestigiar o clube formador, quem deu ajuda no início da carreira. Mas eu não quero discutir interesses de A ou B. Discuto apenas as coisas que acontecem aqui dentro", afirmou o técnico.

Apesar de não entrar na polêmica, Gomes acredita que Oscar encontrará um clima pesado caso tenha de retornar ao São Paulo. "Com certeza ele vai chegar com o ambiente tenso, mas a gente resolve isso rápido. Não tem problema nenhum".

Porém, o treinador diz que a situação só poderá ser contornada se o meia se reintegrar ao elenco tricolor. "Sem a presença do garoto, fica difícil resolver. A gente não sabe onde ele está. Agora não tem como resolver".