Boa fase de Ronaldinho Gaúcho faz Milan planejar esticar contrato

Jornal do Brasil

MILÃO - O bom desempenho de Ronaldinho Gaúcho, que disputou 23 dos 26 jogos dos Milan na temporada 2009-2010, e a repercussão de sua boa fase até em termos de uma possível convocação para a Copa de 2010, na África do Sul, vem encantando a diretoria do clube italiano. A ponto de os dirigentes milaneses já estudarem uma proposta para o craque prorrogar até 2013 o contrato, que termina em junho do ano que vem.

A diretoria do clube italiano já está entrou em contato com Roberto Assis, empresário e irmão do meia atacante.

Segundo o jornal italiano "Il Corriere dello Sport", o agente de Ronaldinho deve chegar à Itália ainda quarta-feira para iniciar as negociações. Assis aproveitará para assistir ao clássico milanês entre Milan e a Inter de Milão, atual líder do Campeonato Italiano.

Além de estar com moral elevado junto aos dirigentes do Milan, Ronaldinho Gaúcho está bem na fita na busca da sonhada convocação para a Copa do Mundo.

No que depender de seu aproveitamento na temporada, o meia atacante e camisa 80 do Milan tem tudo para voltar à Seleção Brasileira quase um ano depois.

A última vez que Ronaldinho vestiu a 'amarelinha' foi em abril de 2009, na vitória de 3 a 1 sobre o Peru, em Porto Alegre, sua cidade natal, em jogo válido pelo returno das eliminatórias da Copa do Mundo da África do Sul.

O meia atacante tem um desempenho melhor do que seus concorrentes diretos na luta por uma vaga na seleção. Até mesmo em relação a Kaká, que já está garantido até como titular do técnico Dunga no Mundial da África do Sul.

Enquanto Ronaldinho participou de 88,5% dos jogos do Milan, Káká, o badalado galático do Real Madrid, jogou 76,9%, ou seja, 20 das 26 partidas disputadas pelo clube madrileno.

Quando o assunto é bola na rede, a média de Ronaldinho também é superior a dos companheiros da seleção. O craque, que marcou 11 gols na temporada pelo Milan, tem 0,48 gol por partida. Superior a de Kaká, com quatro gols e média de 0,15% gol por partida.

Ronaldinho também bate Nilmar, atacante do Villarreal, da Espanha, que fez seis gols em 24 jogos e tem média de 0,25 gol por jogo do ex-atacante do Inter de Porto Alegre.

Em relação a Robinho, que está em baixa no Manchester City, da Inglaterra, o meia-atacante dá goleada, já que Robinho ainda não conseguiu marcar sequer um gol na atual temporada, após disputar 11 jogos pelo time inglês..

Ronaldinho também supera os números de Elano, do Galatassaray, e de Júlio Baptista, da Roma.

Elano marcou apenas cinco gols, média de 0,25 gol por jogo, nas 20 partidas que disputou pelo time turco. Já Júlio Baptista fez somente um gol nos dez jogos com a camisa do clube italiano, com uma pífia média de 0,1 gol por partida.