Advogado lembra são-paulino e pede redução da pena de Jobson

Portal Terra

RIO - O advogado do Brasiliense, Carlos Portinho, responsável por defender Jobson da acusação de doping, considerou exagerada a suspensão de dois anos aplicada ao jogador. Citando como exemplo o zagueiro Renato Silva, atualmente no São Paulo e que, após ser punido por usar maconha, teve sua pena reduzida, Portinho afirmou à Rádio Globo que a preocupação maior deve ser com a reabilitação do ex-atacante do Botafogo.

"Temos que pensar como tratar as drogas sociais. O Renato Silva, por exemplo, hoje é titular do São Paulo e deu a volta por cima. Ainda acredito no recurso e na redução da pena do Jobson", afirmou Portinho nesta terça-feira. Em seu julgamento, Jobson admitiu que utilizava crack.