Herrera comanda Botafogo em Campos, contra o Macaé

Jornal do Brasil

RIO - Trivice-campeão estadual, perdendo todas as finais para o arquirival Flamengo, em 2007, 2008 e 2009, um novo Botafogo inicia sábado, às 19h30, contra o Macaé, em Campos, a retomada da busca por um título que conquistou pela última vez em 2006. Se possível, dando o troco nas finais em seu algoz nas últimas três edições do Estadual.

Apesar de bastante modificado em relação à temporada 2009, com destaque para as contratações dos 'gringos', o uruguaio El Loco Abreu e o argentino Herrera, o Botafogo entrará em campo ainda sem poder contar com a maioria dos novos contratados.

A principal ausência é de El Loco Abreu, a contratação mais badalada, que contagiou a torcida alvinegra.

Até sexta-feira, às 18h, quando se encerraram as inscrições, a Federação uruguaia não havia enviado a documentação do atacante. O zagueiro Fábio Ferreira dependia de sua liberação. Ele, inclusive, surpreendeu a todos, sexta-feira, ao exibir uma tatuagem de uma estrela solitária, símbolo do Botafogo, na panturrilha esquerda.

- Sabe que eu nem tinha reparado nisso? Mas é uma coincidência muito legal. Vamos torcer para essa estrela brilhar - brincou.

O jovem Caio, de 19 anos, também esperava que sua rescisão de contrato com o Volta Redonda fosse entregue a tempo.

O volante Vinícius Colombiano, outro recém-contratado, também não foi inscrito no prazo para atuar na estreia.

Sexta-feira, no último dia de preparação, em Saquarema, Estevam Soares comandou um treino tático no Estádio Eucy Resende de Mendonça, quando definiu a equipe que enfrentará o Macaé.

O objetivo era valorizar a posse de bola e o posicionamento. Em seguida, o técnico orientou a equipe em jogadas de bola parada defensivas.

evam aposta na dedicação do elenco

Mantido no cargo após o Botafogo escapar do rebaixamento no Brasileiro 2009 na última rodada, o técnico Estevam Soares está consciente de que os 11 dias de pré-temporada, em Saquarema, não foram suficientes para dar um padrão tático ao time.

Mas, apesar de não poder contar com vários jogadores na estreia do Estadual, o treinador aposta na dedicação do elenco para conquistar seu primeiro título num grande clube do Rio. Estevam está otimista e considerou positivo o resultado da preparação para a estreia contra o Macaé.

Apesar do curto espaço de tempo que tivemos de preparação, fiz um elogio a todo o grupo. O empenho e a unidade que os jogadores demonstraram nesses dias foram muito importantes. Mesmo com a certeza de que o tempo não foi o ideal, considero o time apto para a estreia - afirmou o técnico alvinegro.