Uefa pode proibir City e Chelsea em eventos europeus

Portal Terra

ZURIQUE - Manchester City e Chelsea podem ser excluídos de competições europeias realizadas pela Uefa a menos que revertam as dívidas anunciadas nos últimos dias dentro de quatro temporadas.

Essa determinação faz parte de um plano da Uefa, que está trabalhando em regulamentações para garantir que os clubes funcionem sem perdas significativas na temporada. Esse plano é uma ideia de Michel Platini.

- Se um clube recebe dinheiro ou subsídios a partir de um grande apoiador e ainda é deficitário em dois anos, então é um problema e nós não queremos isso - disse Platini.

A Associação Europeia de Clubes (ECA, sigla em inglês) aprovou a proposta de Platini e a Uefa confirmou, na quarta-feira, que vai adicionar o "Financial Fair Play", ou seja, o plano financeiro na regra de seus estatutos para a temporada 2013/2014.

O atraso na execução do plano foi descrito como um esforço para fornecer a clubes um menor impacto financeiro, mas a UEFA afirmou que prevê que os clubes que não cumprirem o regulamento, serão impedidos de participar das competições promovidas pela entidade.

Chelsea e City declararam, juntos, perdas de mais de 130 milhões de libras (cerca de R$ 351 milhões).