Cartilha obriga santistas a dar entrevista e proíbe religião

Portal Terra

SANTOS - A nova diretoria do Santos vai apresentar aos jogadores uma cartilha, que deverá ser seguida pelos atletas. Os jogadores ainda não receberam o novo manual de conduta, já que a cartilha ainda está sendo elaborada pelo presidente do clube, Luis Alvaro de Oliveira Ribeiro, o gerente de futebol, Paulo Jamelli e o técnico Dorival Junior.

Entre algumas exigências da cartilha estão: seguir uma escala de entrevistas coletivas, já que vários jogadores do Santos se recusaram a conceder entrevistas nos últimos anos, mesmo recebendo contrato de imagem. A nova diretoria considera uma atitude antiprofissional se negar a dar entrevistas.

Os atletas também não poderão levantar a camisa na comemoração de gols, para reservar o direito do patrocinador que divulgam suas marcas na camisa. Além disso, os jogadores também não poderão ficar sem uniforme em viagens e concentrações e serão proibidos de falar sobre religião quando estiveram em entrevistas coletivas no clube.