Lula pede que empresas tirem "mão do bolso" para formarem atletas

Mariana Canedo, Portal Terra

RIO - Em discurso de meia hora feito depois da entrega do Prêmio Brasil Olímpico, nesta segunda-feira, no Rio de Janeiro o presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse que espera maior participação das empresas na formação de atletas visando os Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro.

"As empresas têm que tirar a mão do bolso e financiar o esporte nesse país. É fácil patrocinar quem é medalhista, porque está apenas explorando a imagem dele. Quero ver uma empresa pegar um atleta novinho e fazer ele se tornar um atleta de ponta", disse Lula.

Lula ainda fez cobranças às federações e ao Comitê Olímpico Brasileiro (COB) para que, até os Jogos de 2016, o País se torne uma potência olímpica.

"Nós apenas ganhamos o direito de ser sede. Agora precisamos prestar contas. O Brasil só vai se transformar em potência se a gente continuar nestes sete anos com o mesmo profissionalismo. Cada presidente de federação terá que prestar um objetivo. O COB tem que apresentar metas", completou.