NBA teria 13 árbitros envolvidos em escândalo

Portal Terra

NOVA YORK - A publicação americana 7Sports garante nesta quarta-feira que 13 árbitros estavam envolvidos no escândalo de apostas que manchou a NBA em 2008.

Na época, apenas o agora ex-árbitro Tim Donaghy foi punido (acabou condenado a 15 meses de prisão). No entanto, Jimmy Battista, apostador e amigo pessoal de Donaghy, teria gravado conversas com outros envolvidos.

Quando o escândalo estourou, em junho do ano passado, o comissionário da NBA, David Stern, declarou que Donaghy era "um patife" e "um criminoso que agiu sozinho".

A 7Sports ainda afirma que Donaghy e Battista se encontraram no dia 12 de dezembro de 2006, véspera do duelo entre Boston Celtics e Philadelphia 76ers.

Os Celtics eram apontados como favoritos nas casas de apostas, mas, ao final do terceiro quarto, a partida estava empatada. No período final, porém, o time de Boston abriu uma vantagem de 20 pontos e venceu o duelo.

Uma fonte não divulgada pela publicação disse que Battista está fechando os últimos detalhes para contar quem são os outros envolvidos no escândalo.