Rogério Ceni: 'O São Paulo está no jogo'

JB Online

SÃO PAULO - Apesar de esperar um resultado positivo no estádio Olímpico, os jogadores do São Paulo acabaram o jogo com sensação de dever cumprido, já que conseguiram o raro feito de tirar pontos do Grêmio em casa (apenas mais quatro equipes conseguiram isso em todo o campeonato) mesmo com três jogadores a menos.

O goleiro Rogério Ceni gostou do futebol e da postura que a equipe tricolor mostrou em Porto Alegre. - Não tivemos tantas chances claras, mas trabalhamos muito bem a bola. O Grêmio jogou a maioria da partida procurando esticar os contra-ataques. Deu para os nossos meio-campistas jogarem - afirmou.

Ceni gostou do resultado, devido às circunstâncias da partida, e exaltou que o São Paulo segue forte na luta pelo título, mesmo sem ter aberto todos os pontos que poderia para os rivais, que jogam no final de semana.

- Hoje somos líderes, os adversários têm jogos difíceis e vamos ver o que acontece. Não há motivo de desespero. Vamos esperar o final da rodada, mas o São Paulo está no jogo - completou o capitão.

Em relação às três expulsões do jogo (Borges, Dagoberto e Jean), o líder são-paulino optou por não culpar a arbitragem, mas lamentou a perda dos atletas, que dariam à equipe mais condições de vencer o confronto.

- É raro acontecer tantas expulsões, não vou reclamar de arbitragem, ele (o juiz) teve condições de analisar cada, não vamos aqui discutir, brigar. Nosso time é experiente, jogamos bem posicionados e não dá pra entender as expulsões, mas com apenas duas linhas de quatro não havia mais o que fazer - lamentou.