Flu vence com mais um gol do herói Fred e está na semifinal

Jornal do Brasil

SANTIAGO - Fred foi mais uma vez o herói tricolor. Com um gol do atacante, o Fluminense venceu o Universidad do Chile por 1 a 0, ontem, em Santiago, assegurando vaga na semifinal da Copa Sul-Americana. Após empate em 2 a 2 na primeira partida, no Rio, só a vitória interessava ao time carioca. De quebra, o artilheiro manteve o aproveitamento de cem por cento desde que voltou de lesão: em sete jogos, balançou a rede sete vezes. Embalado, o time agora recebe o Palmeiras, domingo, no Maracanã, tentando escapar do fantasma do rebaixamento no Brasileiro.

Havia algo de novo no ar. O Fluminense entrou com seu terceiro uniforme. E de novo havia também o futebol que o time vem apresentando ultimamente. Com mais posse de bola e criando perigo, foi este Fluminense que atuou os 90 minutos diante do time chileno aquele velho Fluminense que só perdia não tem aparecido.

Mesmo jogando em casa, o Universidad foi dominado pelos tricolores. A vantagem de poder empatar em 0 a 0 ou 1 a 1 dava tranquilidade aos donos da casa. Precisando do resultado, o Fluminense foi à frente logo nos primeiros minutos. Aos 10, Maicon recebeu de Fred, driblou o goleiro, mas perdeu o ângulo e desperdiçou a chance.

Dois minutos depois foi a vez de Fred. O artilheiro recebeu na entrada da área e chutou por cima, assustando Miguel Pinto. A melhor chance do primeiro tempo, no entanto, saiu dos pés de Rojas. Aos 22, ele fica sozinho com Rafael, mas chuta fraco. A resposta do Fluminense veio novamente com Maicon. O atacante recebeu de Mariano e chutou na rede pelo lado de fora.

Maicon protagonizou outra conclusão bisonha, desta vez aos 35. O chute saiu torto. Aos 37, Puch tentou de bicicleta, mas errou o tempo da bola.

No segundo tempo, o Fluminense voltou atacando. Marquinho arriscou de fora da área no primeiro minuto. Mas o gol veio aos 15, numa bela cabeçada de Fred. Conca abriu na direita para Mariano, que se livrou de um zagueiro e cruzou na área. O artilheiro tricolor subiu entre dois marcadores e acertou o canto direito do goleiro: 1 a 0.

A partir daí, os donos da casa foram atrás do prejuízo, mas não conseguiram superar a defesa tricolor. Nos minutos finais, uma bola na mão dentro da área do Fluminense levou os jogadores do Universidad ao desespero. Eles pediram pênalti, que o árbitro ignorou.

Cuca sai em dezembro

Cuca declarou que vai deixar o comando técnico do time após o término do seu contrato, em dezembro. Quando assumiu a equipe, em setembro, foi cogitada a possibilidade de prolongar o compromisso até 2010. Mas o treinador desistiu.

Cuca disse que os elogios que vem recebendo pela reação do Fluminense fazem bem a seu ego, mas avisou que prefere seguir seu caminho.

E o Fluminense, o dele, seja na (Série) A, B ou na C. Mas o que fica é que aqui há um profissional com carinho pela instituição disse o treinador, em entrevista à Rádio Globo.