População de Tóquio dá pouca importância à eliminação

Portal Terra

COPENHAGUE - Pouco mais de 800 pessoas se aglomeraram junto à prefeitura de Tóquio, no bairro de Shinjuku, para acompanhar o anúncio da eliminação da cidade como sede dos Jogos de 2016.

A apresentação da candidatura de Tóquio destacou o valor da Olimpíada para os jovens. Nesta sexta-feira, em cerimônia realizada em Copenhague, na Dinamarca, os japoneses mostraram suas armas para superar os outros finalistas: Chicago, Rio de Janeiro e Madri.

Assim como fez Chicago, Tóquio iniciou sua defesa destacando o valor que os Jogos têm. Em seguida, Chiharu Igaya - ex-atleta e membro do COI - tomou a palavra e anunciou os defensores da candidatura japonesa. Além disso, ele destacou os pontos fortes da candidatura e chamou o primeiro-ministro japonês, Yukio Hatoyama.

Hatoyama citou a "magia" dos Jogos Olímpicos e garantiu que receber a competição de 2016 será de suma importância para o povo japonês. Para Hatoyama, Tóquio reúne as condições necessárias para organizar os Jogos. - Eu prometo a vocês, como primeiro-ministro do Japão, manter viva a chama dos Jogos Olímpicos - disse Hatoyama.

Em seu discurso, o primeiro-ministro disse ainda que o governo japonês garante o financiamento necessário para que a capital volte a ser uma sede olímpica. Além disso, o premier lembrou aos membros do COI o envolvimento dos cidadãos de seu país com o meio-ambiente, uma das principais bandeiras da candidatura de Tóquio para os Jogos de 2016.

Em seguida, um vídeo destacou o passado japonês no esporte e as intenções da candidatura asiática para o futuro.