Na estreia de Aloísio, Vasco vence e se iguala ao líder

Portal Terra

DA REDAÇÃO - Contratado ainda no mês de maio deste ano para ser o centroavante cruzmaltino na segunda divisão nacional, Aloísio fez a sua estreia na tarde deste sábado e não poderia encontrar clima mais favorável para seu início no clube. Com o Estádio São Januário lotado, o Vasco deu sequência à arrancada na Série B do Campeonato Brasileiro ao derrotar o Campinense por 3 a 0 e igualar a pontuação do líder, o Atlético-GO.

Em paz com o time após passar por um período turbulento na temporada, o torcedor que compareceu em bom número nas arquibancadas pôde ver a boa fase da equipe comandada pelo técnico Dorival Júnior, que conheceu o terceiro triunfo consecutivo, além de ver a primeira participação do ex-são-paulino com a camisa cruzmaltina, ao substituir Adriano no intervalo e atuar os últimos 45 minutos.

Com o início de arrancada na segunda divisão, a formação carioca atinge os 32 pontos, mantém a segunda colocação, mas iguala a marca do líder do torneio, ficando atrás apenas nos critérios de desempate. Já o clube paraibano, principal favorito ao rebaixamento à terceira divisão, estaciona nos nove pontos e amarga a lanterna, com metade da pontuação do Vila Nova, primeira equipe fora da zona de descenso.

O clima favorável que antecedeu a estreia de Aloísio se transformou em festa logo aos 11min de bola rolando, no momento em que Elton caiu após disputa com Márcio Paraíba e o árbitro assinalou pênalti, convertido com categoria pelo meio Carlos Alberto. Na sequência, Enrico quase ampliou a vantagem cruzmaltina ao acertar forte chute da entrada da área e carimbar o travessão do Campinense.

Já na etapa final, contando com a presença de Aloísio em campo, o Vasco deslanchou e tratou de sacramentar nova vitória rumo ao retorno à elite nacional. Em um de seus primeiros lances pelo novo clube, o reforço tabelou com Carlos Alberto e viu o meia servir Elton, que só teve o trabalho de escolher o canto e festejar.

O passeio vascaíno teve sequência aos 24min, no momento em que Gian bateu forte na bola em cobrança de falta e não deu chances de defesa para o goleiro Fabiano. No fim, a festa vascaína só não foi maior graças à trave dos visitantes, que foi acertada em uma cabeçada de Aloísio, após levantamento de Carlos Alberto.