Massa deve deixar hospital em 10 dias, diz médico

REUTERS

BUDAPESTE - O piloto da Ferrari Felipe Massa se recupera bem do acidente e pode sair caminhando do hospital em que está internado em Budapeste dentro de 10 dias, disse seu médico nesta terça-feira. - Minha expectativa é de que ele poderá sair caminhando do hospital - afirmou Peter Bazso, diretor médico do hospital AEK, à rede de tevê pública M1.

- Se a recuperação dele continuar nesse ritmo, eu não descartaria a possibilidade de ele deixar o hospital em 10 dias - enfatizou.

Massa sofreu um traumatismo craniano em um acidente durante o treino classificatório para o GP da Hungria de Fórmula 1, no sábado, após ser atingido acima do olho esquerdo por uma mola de quase 1 kg que se soltou do carro de Rubens Barrichello, da Brawn.

- Ele está passando cada vez mais tempo acordado, conversando com a família e amigos - disse Bazso, acrescentando que podem começar a 'mobilizá-lo' dentro de alguns dias.

Massa foi retirado do coma induzido e do respirador na segunda-feira. - Eu gostaria de ressaltar que ele está se recuperando, mas sua condição ainda é de risco - disse Bazso. - Claro que o risco está diminuindo dia-a-dia - acrescentou.

Bazso afirmou ainda ser cedo para estimar se o piloto, vice-campeão de 2008, sofreu algum dano permanente.