Inter de Milão não confirma oficialmente Lúcio, mas acerto está perto

Agência ANSA

MILÃO, ITÁLIA - O Bayern de Munique anunciou nesta quinta-feira em sua página de internet que o zagueiro Lúcio, capitão da seleção brasileira, está se transferindo para a Inter de Milão.

Na Itália, porém, dirigentes do clube negam a confirmação do negócio, mas admitem que o acordo está próximo. Em declarações à ANSA, o consultor de mercado da Inter, Gabriele Oriali, disse que espera fechar a contratação ainda hoje.

- Estamos negociando, mas ainda não chegamos a um acordo - explicou Oriali.

Entretano, o presidente do Bayern, Uli Hoeness, já confirmou o negócio.

- Lúcio está se mudando para a Inter de Milão. Os clubes chegaram a um acordo, e o jogador também conseguiu um acordo com a equipe - afirmou o cartola.

O presidente da Inter, Massimo Moratti, por outro lado, indicou que a contratação ainda não é oficial.

- Pelo que sei, ainda não há nada definitivo - disse Moratti, que também respondeu se a chegada do zagueiro inviabilizaria outras contratações, entre elas a do meio-campista Deco, do Chelsea. - Parece claro que a Inter não pode ter 40 jogadores.

Lúcio, de 31 anos, está no Bayern de Munique há cinco temporadas. Antes, também na Alemanha, ele atuou pelo Bayer Leverkusen.

No Brasil, ele jogou no Internacional de Porto Alegre. O zagueiro conquistou a Copa do Mundo de 2002 e também fazia parte do grupo que disputou a competição em 2006. No último mês de junho, foi campeão da Copa das Confederações, já como capitão.

Na Inter, ele terá a companhia dos também brasileiros Júlio César, Maicon, Thiago Motta e Mancini. Os valores da transação não foram divulgados.