Brasil vence a Polônia e permanece como único invicto na Liga Mundial

JB Online

LODZ, POLÔNIA - A seleção brasileira masculina de vôlei mostrou sua força e superou a Polônia neste sábado, no ginásio New City Hall, em Lodz, Polônia, por 3 sets a 0 (25/23, 25/22 e 25/10), em 1h16. Com o triunfo, o time comandado pelo técnico Bernardinho chegou à quinta vitória na Liga Mundial 2009 e continua como o único time invicto na competição.

O ponteiro Murilo foi o maior pontuador do jogo com 16 acertos (nove de ataque, quatro de bloqueio e três de saque). O outro ponteiro brasileiro, Giba, foi eleito pelos poloneses como o melhor da partida.

Com 13 mil pessoas presentes no ginásio, os brasileiros começaram a partida um pouco distraídos. Os poloneses aproveitaram a força de sua torcida e deixaram o jogo bastante complicado para a equipe verde-amarela. No entanto, os brasileiros mostraram que continuam sabendo decidir na hora exata. Nos pontos decisivos, o Brasil tomou a frente no placar e fechou o set.

- Realmente começamos muito nervosos. A torcida estava fazendo muito barulho e, talvez, tenhamos nos desconcentrado um pouco. Depois, conseguimos entrar no jogo e fechamos - analisa o levantador Bruno.

Na segunda parcial, uma repetição da primeira. Os poloneses voltaram a incomodar e abriram uma boa diferença. Com a mesma tranqüilidade, o time brasileiro buscou ponto a ponto a diferença e reverteu a situação, com destaque para o ponteiro Murilo.

Mesmo tendo saído como o maior pontuador do confronto, ele ainda se cobra uma atuação ainda melhor.

- Acredito que fui muito inconstante no ataque. Preciso dar mais segurança aos levantadores. No segundo set até fui um pouco melhor, assim como no terceiro, mas destacaria o bloqueio e o saque como meus melhores fundamentos hoje - diz Murilo.

A Polônia voltou para o terceiro set com uma postura completamente diferente, assim como o Brasil. Enquanto os donos da casa erravam bastante, a equipe verde-amarela mostrou seu melhor momento no jogo. Assim, a parcial acabou sendo a mais tranquila.

- Começamos nervosos a partida. Fomos nos acertando no decorrer do jogo e conseguimos fechar com um bom terceiro set. Espero que amanhã voltemos a jogar bem e, com isso, consigamos sair da Polônia com duas vitórias - afirma o líbero Serginho.

A expectativa por um melhor jogo neste domingo (28.06), quando Polônia e Brasil se enfrentam novamente, às 11h30 (horário de Brasília), no mesmo local, não é só do líbero brasileiro, mas de todo o time.

- No terceiro set estivemos muito bem. Nosso time tem que pensar em sempre jogar assim. Nesta Liga Mundial as nossas segundas partidas têm sido sempre melhores. Sendo assim, espero uma melhora para amanhã - diz Bruno.

- Seria melhor que jogássemos todos os sets igual fizemos no terceiro hoje. Para amanhã, temos que melhorar onde não fomos tão bem hoje. O saque e o bloqueio têm sido nossa grande arma. Isso deve continuar - conclui Murilo.