Grêmio arranca empate com Caracas no 1º jogo das quartas

Portal Terra

CARACAS, VENEZUELA - Em jogo de baixo nível técnico, o Grêmio empatou fora de casa com o Caracas em 1 a 1 na primeira partida entre os dois nas quartas de final da Copa Libertadores. Os gaúchos sofreram um gol no início do jogo e empataram somente no segundo tempo. A partida de volta será realizada no dia 17 de junho e o Grêmio tem agora a vantagem do empate sem gols.

Logo no primeiro minuto, o lateral-esquerdo Cichero subiu mais alto que a defesa gremista e completou cobrança de falta de Rey, abrindo o placar para a equipe da casa. O time brasileiro não abaixou a cabeça e começou a apertar o Caracas, mas as jogadas paravam na forte marcação no meio de campo.

O time venezuelano ganhou um sério desfalque aos 15min, quando o atacante Rentería, um dos principais jogadores do time, se machucou e precisou ser substituído. O jogo seguiu truncado, com as equipes cometendo muitas faltas.

O nível técnico da partida era tão baixo que o Grêmio só deu seu primeiro chute a gol aos 27min. O lance ofensivo, porém, trouxe muito perigo ao gol do Caracas. Souza cobrou falta e Réver resvalou de cabeça.

O jogo ganhou emoção no final do primeiro tempo. Maxi López teve boa chance de abrir placar aos 30min, e Victor salvou o segundo gol do Caracas ao espalmar finalização de Cichero dois minutos depois. O time da casa cresceu na partida e passou a ameaçar o gol do Grêmio. Os venezuelanos ficaram perto de marcar aos 45min, em cobrança de falta de Rey.

A partida voltou truncada do intervalo. As jogadas do Grêmio eram prejudicadas pelas más condições do gramado e o Caracas, conhecedor do campo, conseguia lances melhores. O time da casa tinha o controle do jogo, enquanto os brasileiros tinham dificuldade de sair do campo de defesa.

A equipe gaúcha teve sua primeira boa chance no segundo tempo aos 16min, quando Fábio Santos recebeu cruzamento da direita e finalizou por cima do travessão. A resposta do Caracas veio seis minutos depois, quando Prieto recebeu bola na cara do gol e longe da meta de Victor.

O Grêmio passou, então, a apostar na bola parada. Souza acertou a trave em cobrança de falta aos 26min. Dois minutos depois, Souza bateu nova falta e Fábio Santos completou de cabeça, empatando o jogo. A partida esvfriou depois do gol gremista, especialmente porque o juiz precisou interromper o jogo uma vez que o sistema de irrigação do estádio foi acionado.

O Grêmio passou a controlar a bola após o empate. Nos minutos finais, tentou conseguir o segundo gol, mas tomando cuidado para não dar espaços na defesa.