Flu suspende distribuição de ingressos para torcidas organizadas

JB Online

RIO - O presidente do Fluminense, Roberto Horcades, divulgou nota oficial nesta quinta-feira lamentado o incidente ocorrido nas Laranjeiras, quando membros de torcidas organizadas invadiram o campo de treino, havendo agressão ao volante Diguinho e tiros disparados por um amigo do goleiro Fernando Henrique.

Dentre outras medidas que o clube tomará a partir desta sexta-feira, está a suspensão da distribuição gratuita de ingressos para s torcidas organizadas. A prática até então perdurou durante as duas gestões de Horcades, que recentemente confessou temer pela sua integridade física caso a suspendesse.

As salas ocupadas pelas facções dentro do clube serão desativadas. A diretoria também restringirá ao máximo as pessoas com autorização para transitar nos arredores do campo das Laranjeiras.

O triste, lamentável e repudiável episódio ocorrido nas Laranjeiras no último 26, quando pseudotorcedores tricolores invadiram o gramado do Estádio Presidente Manoel Schwartz para coagir, ameaçar e agredir os jogadores do elenco profissional maculou a imagem do Fluminense Football Club e deixou uma cicatriz em sua fidalguia. Diante dos incidentes, que culminaram com disparos de arma de fogo por uma pessoa que não pertence tanto ao quadro social quanto ao quadro de funcionários do clube, a diretoria vem a público prestar esclarecimentos e anunciar medidas que foram discutidas e elaboradas nas últimas 48 horas e que serão adotadas a partir desta sexta-feira, 29 de maio de 2009 nas dependências de sua sede.

- Através do seu Departamento Jurídico, o Fluminense agiu rapidamente e com rigor, registrando ocorrência de violação de domicílio e ameaça a jogadores e dirigentes na 9ª Delegacia de Polícia, no Catete, logo após a invasão dos torcedores;

- Também acompanhados dos advogados do clube, os atletas Fernando Henrique, Diguinho e Marquinho prestaram depoimento na 9ª DP;

- Como é de conhecimento público, o despachante Robson Braga dos Santos Oliva, autor dos disparos, também compareceu (por vontade própria) à 9ª DP para prestar depoimento. Disse ser amigo do atleta Fernando Henrique e, portanto, sem qualquer vínculo social ou empregatício com o Fluminense Football Club;

- Sendo assim, a partir desta sexta-feira (29/05/2009), fica expressamente proibida a entrada de pessoas não ligadas ao Departamento de Futebol nos arredores do gramado das Laranjeiras. Somente terão acesso e poderão transitar neste perímetro, jogadores, membros da comissão técnica, diretoria, associados, funcionários do clube e profissionais da imprensa, todos com seus respectivos crachás funcionais;

- As salas das torcidas organizadas, que servem como depósito para faixas, bandeiras e demais adereços, localizadas debaixo das arquibancadas do Estádio Presidente Manoel Schwartz, serão desativadas o mais rápido possível;

- Os integrantes de torcidas organizadas identificados no incidente ocorrido nas Laranjeiras no último dia 26 serão punidos. Os sócios terão suas carteiras cassadas e os não-sócios serão proibidos de entrar e/ou frequentar as Laranjeiras;

- A Diretoria decidiu suspender a prática de distribuição de ingressos dos jogos do Fluminense para as torcidas organizadas;

- A Superintendência Geral do clube encaminhará ofícios e solicitará viaturas da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro para os arredores da sede sempre quando o Departamento de Futebol entender que haverá um "treino de risco" nas Laranjeiras;

- O mesmo acontecerá para estes treinamentos com os acessos diretos ao gramado do estádio - arquibancada da Rua Pinheiro Machado e portões do Parquinho, do Bar do Fidélis, do Salão Nobre e dos estacionamentos -, onde só transitarão pessoas previamente identificadas;

- Por fim, sabemos da vultuosa história que representa o quase centenário Estádio das Laranjeiras, hoje Presidente Manoel Schwartz, berço do futebol brasileiro e primeiro a receber a nossa Seleção. Mas precisamos partir para a profissionalização estrutural, que já se faz necessária a tempos. Estamos acelerando o processo de retirada de todo o Departamento de Futebol das Laranjeiras para um novo Centro de Treinamento que em breve será anunciado de forma oficial;

- Mas não basta mudar de local sem mudar a mentalidade. Desde quando assumi a presidência do clube, no primeiro dia de minha primeira gestão, levanto a bandeira de sairmos das Laranjeiras. Todas as medidas impostas a partir de hoje também valerão para os nossos dois Centros de Treinamentos em Xerém: o Vale das Laranjeiras (Divisões de Base) e o dos profissionais, este ainda em fase de construção.

Roberto Horcades

Presidente do Fluminense Football Club