Federer passa apertado por argentino em Roland Garros

Portal Terra

PARIS, FRANÇA - Contra um tenista especialista em saibro, o suíço Roger Federer penou para avançar à terceira rodada de Roland Garros. O atual número dois do mundo passou por momentos de apuro, mas fechou a partida contra o argentino Jose Acasuso por 3 sets a 1, parciais de 7/6 (9/7), 5/7, 7/6 (7/2)e 6/2.

No terceiro set, quando o placar apontava 1 a 1, Federer ficou 4 games a 0 atrás do argentino. Porém, conseguiu a virada e minou a confiança do adversário para o quarto set.

Acasuso, que em toda a sua carreira ostenta o modesto histórico de 12 vitórias e 27 derrotas em Grand Slams, teve grandes chances para estregar o sonho francês de Federer não só na terceira parcial. Antes, no tie-break inicial, havia aberto 6/3, desperdiçando três chances de fazer 1 a 0 e colocar pressão no adversário.

De qualquer forma, a maior ameaça à campanha do suíço em Paris esteve mesmo no terceiro set, em que o sul-americano aparecia dominante em quadra, distribuindo pancadas com seu melhor golpe, a direita, no pior do adversário, a esquerda.

Acuado, o favorito tinha problemas para conseguir winners e colecionava erros não forçados. De qualquer forma, o grande momento do número 45 do mundo não durou muito tempo.

Sem desistir e empurrado pela torcida na Philippe Chatrier, Federer mudou o estilo, passando a atacar do fundo da quadra e também na rede para destruir a confiança do azarão, que acabaria totalmente dominado na quarta etapa.

Curiosamente, o susto pelo qual o homem da Basiléia passou nesta quinta-feira em Roland Garros vem se repetindo em sua história recente nos Grand Slams.

Nas últimas edições dos Abertos da Austrália e dos Estados Unidos, por exemplo, ele superara batalhas de cinco sets contra Tomas Berdych e Igor Andreev antes de chegar à final.

Contra Acasuso, a partida não chegou à quinta parcial, mas a brilhante sequência do antigo melhor do mundo em majors esteve em xeque - ele não cai antes das semifinais em competições desse porte desde 2004.

Garantido na terceira rodada, Federer pode não contar novamente com o apoio dos torcedores franceses no próximo sábado.

Isso acontecerá caso o local Paul-Henri Mathieu confirma os prognósticos contra o espanhol Pablo Andujar, em jogo que define o próximo adversário do grande rival de Rafael Nadal.