Festa por título do Avaí reúne 20 mil torcedores

Fabrício Escandiuzzi, Portal Terra

FLORIANÓPOLIS - Cerca de 20 mil pessoas, segundo cálculos da Polícia Militar, tomaram as ruas de Florianópolis na noite deste domingo para comemorar o título de campeão catarinense do Avaí, depois de onze anos de jejum.

Na final disputada contra a Chapecoense, o time da capital venceu por 3 a 1 no tempo normal e por 3 a 0 na prorrogação, sacramentando a 14ª conquista para delírio da torcida avaiana.

Como o último título do estadual tendo sido conquistado em 1998, muitos torcedores não suportaram a emoção e, mesmo com ingressos, preferiram ficar do lado de fora do estádio da Ressacada durante toda a partida.

Não estava no estádio há doze anos e, por via das dúvidas, prefiro garantir o título aqui fora disse o supersticioso empresário Camilo Martins, 54 anos, que assistiu à final na Toca do Leão, bar localizado na frente do estádio. Em jogos decisivos, compro o ingresso como sempre fiz, mas fico aqui do lado de fora.

Os torcedores avaianos nem esperaram o apito final. Logo após o término do primeiro tempo da prorrogação a festa já começou a tomar conta das ruas de Florianópolis. O time já vencia por 3 a 0 e os quinze minutos finais foram de muita festa para torcedores que tomaram conta da avenida Beira Mar Norte, uma das principais da cidade.

O torcedor sempre esteve do nosso lado e merece essa conquista disse o meia Marquinhos, pouco antes de entrar em um caminhão para desfilar pelas ruas do centro de Florianópolis.

Ao final da partida, a direção do Avaí aimnda promoveu uma festa ao lado da Ressacada. Muita gente bonita e uniformizada desfilou no evento, com direito a som ao vivo e muitas provocações ao maior rival, o Figueirense, que ficou de fora da fase semifinal do Catarinense e disputará a Série B do Brasileiro em 2009.

Melhor do que ganhar é vê-los tão longe do Avaí disse a torcedora Monique Gouvêa, 23 anos.