Cuca recebe a família na Gávea

Isaac Ismar, JB Online

RIO -

Na véspera da decisão do Campeonato Carioca, Cuca, treinador do Flamengo, ganhou um importante reforço na torcida. Dona Nilde Stival, 68 anos, esteve na Gávea para acompanhar os últimos preparativos do elenco rubro-negro antes do jogo contra o Botafogo, neste domingo, no Maracanã.

Acompanhada das netas, a mãe de Cuca deixou Curitiba por alguns dias, onde a família do técnico mora, e espera comemorar o primeiro título do filho.

"Ainda não pensamos como vamos comemorar, mas é certo que iremos festejar muito. Estamos passando as noites juntos aqui no Rio. Ele está bem tranqüilo e descontraído", afirmou Dona Nilde.

Mãe coruja, ela contou que Alex Stival, o popular Cuca, sempre foi calmo, mesmo quando era criança.

"Ele não falava muito. Sempre foi muito calmo, mais reservado, na dele", relembrou. Perguntada sobre qual time tem espaço reservado no seu coração, ela não escondeu o amor pelo Flamengo.

"Eu sempre sou o time que o Cuca está. Desta vez, ele está no meu time. Do contrário, a gente esquece tudo e torce pra ele", descontraiu.

Outro flamenguista que contou com o apoio de familiares foi Ronaldo Angelim. A mulher do jogador, Ricássia Dias, 33 anos, assistiu ao treino na companhia de alguns parentes. Ela conheceu Angelim em Juazeiro, no interior do Ceará, onde o casal foi criado.

"Nos conhecemos na infância. Namoramos e casamos lá em Juazeiro. O Ronaldo é uma pessoa muito tranqüila, mesmo em véspera de jogo decisivo", disse Ricássia.