Sub-17: Chile frustra torcida e deixa última vaga com o Equador

Portal Terra

SÃO PAULO - Em busca de mais uma vitória para seguir viva na disputa por um lugar no Mundial Sub-17 da Nigéria, a seleção chilena novamente frustrou a torcida local ao ficar no empate por 1 a 1 com a Venezuela e deu adeus ao Sul-Americano disputado na cidade de Iquique. Sem chances de título, a equipe deixou escapar a última vaga para a segunda fase, que classifica outros dois para o torneio principal da categoria, e viu o Equador avançar à próxima etapa.

Diante da equipe de pior retrospecto na competição, os anfitriões não saíram da igualdade e, com isso, proporcionaram o primeiro ponto aos venezuelanos. Além de entrarem em campo só conhecendo derrotas, os lanternas do Grupo B encerraram o jejum de gols e balançaram as redes adversárias pela única vez na madrugada desta sexta-feira, depois de quatro jogos disputados.

Com o placar de 1 a 1 em Iquique, os chilenos foram aos quatro pontos e amagaram a quarta posição da chave, um a menos que o Equador, que ficou no empate por 1 a 1 com o Uruguai, no jogo que reuniu os dois classificados para a segunda fase. No outro grupo, avançaram Colômbia e Bolívia, que disputarão no quadrangular final duas vagas para o Mundial.

Os líderes Brasil e Argentina farão a final no próximo dia 9 e já tem presença assegurada na Nigéria.