Chelsea segura trio do Barcelona e arranca empate no Camp Nou

Portal Terra

BARCELONA, ESPANHA - Diante do melhor ataque da Liga dos Campeões, o Chelsea fez bem o seu dever de parar o trio ofensivo formado por Eto'o, Messi e Henry e arrancou um empate sem gols na tarde desta terça-feira contra o Barcelona, em pleno Estádio Camp Nou, na primeira partida da semifinal da competição. Com a igualdade em território espanhol, o time inglês precisa de uma vitória simples para voltar à decisão do torneio pelo segundo ano consecutivo.

No encontro entre a eficiência defensiva do time comandado por Guus Hiddink e o ataque arrasador catalão, que contabiliza 29 gols até o momento, levou a melhor o ex-clube do brasileiro Luiz Felipe Scolari, com grande atuação do goleiro Petr Cech, principal responsável pelo placar em branco. Antes do duelo desta terça, o Barcelona havia feito 5 a 2 no Lyon e 4 a 0 no Bayern de Munique nas fases anteriores, em partidas que atuou como mandante.

Em busca de mais uma vitória convincente na Liga dos Campeões, o Barcelona dominou todo o duelo, mas quando não parou na retranca inglesa ou não teve pela frente o goleiro Cech, desperdiçou boas chances de balançar as redes. A atuação foi tão abaixo do esperado que Eto'o e Henry chegaram a ser substituídos por Bojan e Hleb no segundo tempo. Já Messi, artilheiro do torneio, com oito gols, não teve vida fácil entre os zagueiros John Terry e o brasileiro Alex, ex-Santos.

Intruso pelo segundo ano consecutivo na "semifinal inglesa" da Liga dos Campeões, o Barcelona tenta repetir agora o feito conquistado em 1999/2000 e 2005/2006, quando eliminou o adversário inglês nas quartas e oitavas-de-final da competição, respectivamente. Já o time londrino deixou os espanhóis pelo caminho em 2004/2005, também no primeiro mata-mata da edição daquele ano.