Presidente do Santos se envolve em confusão com torcedores

Portal Terra

SÃO PAULO - Marcelo Teixeira foi um dos personagens pós-clássico no último domingo. O presidente do Santos se envolveu em uma confusão com torcedores e intercedeu quando fãs de seu time entraram em conflito com policiais militares.

Tudo começou quando a torcida santista entrou em atrito com a Polícia Militar. Ao ver a confusão, Teixeira deixou a área VIP do Estádio do Pacaembu para tentar coibir a ação, mas não obteve sucesso e voltou em seguida ao seu posto.

Na volta à área VIP, Teixeira foi hostilizado por torcedores do Corinthians, que estavam logo abaixo.

Os policiais agiram com violência sobre nossa torcida. Até desci de onde estava para questionar a ação da PM disse o cartola à Tribuna de Santos.

Por que não colocaram os santistas no tobogã, isolados da torcida local? Só pensaram nos cifrões e deu no que deu. Nossos torcedores foram nos cobrar o revide na Vila Belmiro por terem sido agredidos, criando-se um clima de violência afirmou Teixeira.

De acordo com a Gazeta Esportiva, quando se dirigia aos vestiários do estádio, Teixeira ainda discutiu com torcedores do Corinthians.

Vocês são time de segunda, de segunda divisão! teria dito o dirigente, sinalizando o número dois com a mão direita.