Flamengo cumprirá punição de 2006 em sua estréia na Copa do Brasil

JB Online

RIO DE JANEIRO - Envolvido na disputa da Libertadores em 2007 e 2008, o Flamengo ficou dois anos sem participar da Copa do Brasil. Por conta disso, o clube terá de cumprir, em sua estréia em casa, uma punição referente à primeira partida da final de 2006, quando derrotou o Vasco por 2 a 0, no Maracanã. O motivo foi um celular encontrado no gramado do estádio.

O primeiro adversário do Rubro-Negro na Copa do Brasil deste ano é o Ivinhema, do Mato Grosso do Sul. Caso não vença o primeiro jogo por pelo menos dois gols de diferença, a equipe do técnico Cuca terá de fazer o jogo de volta no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, pois, segundo o STJD, neste caso de punição o clube tem de atuar a, pelo menos, 100 km do seu estádio - Volta Redonda está a 124 km do Rio de Janeiro.

O julgamento do caso ocorreu em agosto de 2006. O Flamengo foi enquadrado no artigo 213 (deixar de tomar providências capazes de prevenir e reprimir desordens em sua praça de desporto). A condenação de uma partida, a princípio, valeria para o Brasileiro daquele ano, mas, pouco depois, o STJD decidiu que a punição tem de ser cumprida na mesma competição.