Aliviado e exausto, Nadal comemora vitória após duelo de 5 horas

REUTERS

MELBOURNE, AUSTRÁLIA - O instante de êxtase de Rafael Nadal logo após a vitória épica na semifinal do Aberto da Austrália contra Fernando Verdasco durou pouco.

O número 1 do mundo era só sorrisos ao abraçar o também espanhol Verdasco, após vencê-lo por 6/7, 6/4, 7/6, 6/7 e 6/4, nesta sexta-feira, na partida mais longa da história do Aberto da Austrália.

O jogo de hoje foi um daqueles que irá ser lembrado por um bom tempo disse Nadal A emoção foi grande, na última jogada eu quase chorei. Havia muita tensão.

Verdasco estava jogando inacreditavelmente, mas eu estava muito bem mentalmente o tempo todo, acreditando na vitória e bem focado. É maravilhoso para mim estar nesta final, especialmente depois de um jogo como esse acrescentou.

O alívio e celebração iniciais de Nadal por estar em sua primeira final no Melbourne Park rapidamente deram lugar à preocupação sobre o desgaste físico da partida.

Ele enfrentará seu grande rival Roger Federer na final de domingo, sabendo que terá de jogar até mesmo melhor do que contra Verdasco para bater o suíço, que teve um dia a mais para se recuperar após vencer seu jogo na semifinal por 3 sets a 0.

Nadal venceu Federer nas últimas três finais do Aberto da França, e também derrotou o suíço na final de Wimbledon do ano passado, em um dos melhores jogos dos últimos anos, mas esta será sua primeira final de Grand Slam em piso duro.

É sempre especial jogar contra Federer, mas jogar mais uma final de Grand Slam contra ele é ainda mais emocionante disse Nadal.

Eu não sei como estarei na final. Farei o melhor para recuperar meu corpo e minha performance física, mas depois de um jogo como este, você se sente pesado no dia seguinte. Claro que eu preferiria outro adversário, mas é isso que faz com que o esporte seja tão grande, finais como esta acrescentou.