Abramovich poderia vender o Chelsea

Portal Terra

RIO DE JANEIRO - De acordo com informações da imprensa russa publicadas nesta terça-feira, Roman Abramovich estuda a possibilidade de vender o Chelsea por conta da crise financeira.

Segundo a agência russa Prime-Tass, o empresário teve sua fortuna reduzida de 16,7 bilhões de euros (cerca de R$ 56 bilhões) para 2,3 bilhões de euros (R$ 7,7 bilhões).

Além do Chelsea, Abramovich também poderia vender seu iate, estimado em 200 milhões de euros (cerca de R$ 675 milhões).

O Chelsea já sente os efeitos da crise, com um regime de redução de gastos. De acordo com a imprensa inglesa, foram despedidos 15 olheiros que davam uma despesa de 156 mil euros (cerca de R$ 530 mil) por ano ao clube.

A idéia da venda teve início em novembro do último ano. Segundo a imprensa russa, Abramovich procura quem organize a transação.