Robinho marca nos acréscimos e evita derrota do City

Portal Terra

BIRMINHAM - Após brilhar na goleada por 5 a 1 sobre o Hull City na última sexta-feira, o atacante Robinho novamente teve participação decisiva na tarde deste domingo, desta vez no Estádio Ewood Park. Após ver o Manchester City sair com uma desvantagem por 2 a 0 contra o Blackburn Rovers, o time visitante correu atrás do placar e conseguiu o empate nos últimos lances com o seu camisa dez, evitando nova derrota no Campeonato Inglês.

A reação nos últimos minutos levou o time de Robinho aos 22 pontos, ficando só dois acima da zona de rebaixamento, mas deixando quatro equipes para trás. Na 13ª posição, a equipe teve dificuldades contra o ex-lanterna, que ganhou uma posição com o empate desta tarde.

Autor de dois gols na última rodada, o brasileiro começou a partida a todo vapor e esteve perto de marcar em duas oportunidades. Aos 8min, depois de passar pelo primeiro marcador, ele cai na tentativa de passar pelo segundo e reclama de pênalti, ignorado pela arbitragem.

Em seguida, o ex-santista perdeu grande chance após cruzamento de Caicedo. Bem posicionado, Robinho testou da pequena área, livre, mas jogou a bola por cima da meta defendida por Paul Robinson.

No entanto, o bom início foi freado pelos mandantes, que conseguiram parar as investidas do City. Após equilibrar o duelo, o Blackburn soube aproveitar uma jogada de Roberts, que sobrou nos pés de McCarthy e tocou no canto para abrir o placar, aos 45min da primeira etapa.

Na volta do intervalo, o City quase chegou ao empate aproveitando as bolas altas na área. Logo aos 6min, depois de cruzamento, Wright-Phillips escorou de costas e viu a bola pegar na trave adversária.

Em seguida foi a vez de Elano, em seus últimos lances, pedir pênalti ao cair na área, em nova reclamação que não foi atendida pela arbitragem. Mais tarde, Robinho passou pela marcação e finalizou para fácil defesa de Robinson.

Sem conseguir o empate, o City ainda viu seu prejuízo aumentar aos 38min. Da entrada da área, Samba dominou e fez o levantamento para a área. Ao subir mais que a zaga rival, Roberts tocou de cabeça e ampliou a vantagem dos donos da casa.

Depois de perder grande chance nos pés de Richards, a equipe de Manchester iniciou grande reação na parte final da partida. Em jogada iniciada por Robinho, a zaga do Blackburn cortou mal e Sturridge apareceu bem para bater de primeira e descontar.

Já nos acréscimos, o City coroou grande pressão aos 48min, quando Robinho recebeu bom passe de Sturridge e mostrou calma para tocar no canto e decretar a igualdade no marcador.