Bebeto de Freitas chora em adeus ao Botafogo

Portal Terra

RIO - O ex-presidente do Botafogo se despediu do time alvinegro, neste sábado, e não conteve as lágrimas ao entregar o cargo para o novo mandatário Maurício Assumpção. A partir do dia 1º de janeiro, Bebeto voltará ao Atlético-MG como diretor-executivo, onde já esteve como dirigente entre 1999 e 2001.

No Botafogo desde 2006, o cartola levantou os títulos da Taça Guanabara e do Campeonato Carioca de 2006 e a Taça Rio de 2007. Sob o seu mandato, o clube também venceu a concorrência para gerir o Estádio do Engenhão pelos próximos 20 anos.

Já nesta temporada, depois de novamente ver o time começar bem no Estadual, Bebeto chegou a pedir licenciamento do cargo por discordar da arbitragem na final da Taça Guanabara, quando o time perdeu o título ao ser derrotado por 2 a 1 pelo Flamengo. A renúncia foi apenas verbal e o dirigente recuou da decisão mais tarde.

Na equipe mineira, onde trabalhará com o técnico Emerson Leão, o dirigente será apresentado oficialmente nesta segunda-feira, às 15h (de Brasília), no Auditório Elias Kalil, localizado na sede de Lourdes.