Experiente, Fabinho procura passar tranquilidade aos jogadores do Flu

Flávio Dilascio, JB Online

RIO DE JANEIRO - Aos 32 anos, o volante Fabinho já passou por diversas experiências no futebol. Assim como vivenciou a glória de ser campeão mundial interclubes pelo Internacional, em 2006, passou pelo drama de brigar contra o rebaixamento pela Ponte Preta, em 98.

Fabinho obteve sucesso em livrar o time de campinas da segunda divisão naquele ano, por isso, procura passar tranquilidade aos jogadores do Fluminense. O volante afirma que a pressão sobre um clube grande é normal, mas pede que o grupo não se desespere pelo momento delicado que vive na tabela do Campeonato Brasileiro.

Diariamente eu falo com os companheiros para não pensar em rebaixamento. É preciso ter tranquilidade para jogar. Não adianta ficar preocupado antes do tempo. Passei por esta situação na Ponte Preta e a cobrança já foi muito grande. No Fluminense a cobrança é muito maior disse Fabinho.