Sob pressão, Dunga se diz 'sujeito a opiniões'

Portal Terra

RIO - A pressão existe e é admitida pelo próprio técnico Dunga. Após duas derrotas e um empate nos últimos três jogos da Seleção Brasileira principal e o bronze na Olimpíada de Pequim, com uma derrota por 3 a 0 para a Argentina na semifinal, o treinador fala em conquistar os três pontos contra o Chile, no próximo domingo, em Santiago, pelas Eliminatórias para a Copa de 2010. Perguntado a respeito dos comentários sobre o desempenho da equipe, Dunga diz estar tranqüilo.

- Não me preocupo com o que é injusto ou justo - afirmou o treinador, em entrevista concedida na última terça-feira, sobre as críticas à equipe. - Todos comentam sobre futebol, mas nem todos falam sobre os outros esportes. Estando na Seleção, estou sujeito a opiniões. Sempre será assim - completa.

Sobre a formação que a equipe terá na partida contra o Chile, o treinador Dunga admite escalar Ronaldinho no ataque, ao lado de Luís Fabiano e Robinho. - São três grandes jogadores e podem atuar juntos. O Ronaldinho tem de atuar na posição em que se sente melhor, no ataque e no lado esquerdo - acrescenta o treinador, que utilizou o reforço do Milan no setor ofensivo na Olimpíada de Pequim.

A Seleção Brasileira treinará em dois períodos nesta quarta-feira. Dois dias depois, a delegação embarcará para Santiago, local da partida do próximo domingo, às 22h, contra o Chile.

Nesta quarta-feira, o atacante Robinho será o último jogador a se apresentar à equipe. O jogador, que acertou a transferência ao Manchester City, da Inglaterra, chegará a Teresópolis na parte da manhã.