Japoneses se sentem em casa no Matracanazinho

JB Online

RIO - Não era dia de jogo do Brasil, mas o público presente ao ginásio do Maracanãzinho durante a primeira partida do segundo dia da Fase Final da Liga Mundial de Vôlei, entre Japão e Rússia, escolheu um lado. Independente da vitória russa por 3 sets a 0 (25/14, 26/24 e 25/18), os jogadores japoneses saíram da quadra se sentindo em casa.

- Não esperava esse apoio da torcida. Parecia que estávamos jogando em casa. Com certeza isso nos motivou ainda mais na quadra. Tentamos fazer nosso melhor, diz Shimizu, maior pontuador japonês com 12 pontos.

Assim como seu companheiro de equipe, o levantador Iwata se surpreendeu com o calor vindo dos fãs.

- A força da torcida brasileira é realmente impressionante. Ela nos encorajou nos momentos mais difíceis da partida. Estamos muito felizes com essa recepção tão calorosa, mas confesso que foi uma grande surpresa para nós, afirma.