Com um a mais, Corinthians busca empate e segue invicto

Portal Terra

RIBEIRÃO PRETO - Atuando com um jogador a partir da segunda metade do segundo tempo, o Corinthians conseguiu arrancar um empate por 1 a 1 diante do Bragantino na noite desta quarta-feira, em Ribeirão Preto, e manteve a série invicta da equipe no Campeonato Brasileiro da Série B após oito rodadas disputadas.

A partida começou movimentada em Ribeirão Preto, com o time mandante tomando as ações da partida logo no início. Na primeira investida com perigo, aos 7min, o Bragantino conseguiu balançar as redes com o centroavante Nunes após cruzamento de Pará, mas o árbitro Claudinei Forati Silva anulou o lance e anotou impedimento do atacante.

A resposta do time da capital veio quatro minutos depois de levar o primeiro susto. De longe, o zagueiro Chicão cobrou falta e exigiu difícil defesa do goleiro Gilvan, que jogou para escanteio.

Na metade da etapa inicial, a equipe de Bragança voltou a reclamar com o árbitro paulista ao pedir um pênalti sobre Nunes, que caiu dentro da área após choque com o zagueiro Chicão depois de receber passe de Malaquias.

Insatisfeito com o desempenho de seus comandados no primeiro tempo, o técnico Mano Menezes colocou o uruguaio Acosta no lugar de Wellington Saci e sacou Carlos Alberto para promover a entrada de Alessandro na equipe.

Porém, quem conseguiu inaugurar o marcador no interior paulista foi o Bragantino. Sete minutos após o intervalo, Pará bateu falta com a perna esquerda e colocou no canto do goleiro Júlio César, que ainda tocou na bola antes de ter a meta vazada.

A aposta do treinador corintiano para o segundo tempo, o atacante Acosta, apareceu bem pela primeira vez com 10min do período final, quando recebeu passe de Douglas e chutou forte da entrada da área, carimbando o travessão da equipe de Bragança.