Para jornalista, falta atenção ao futebol russo

Portal Terra

VIENA - "Vocês precisam ver mais a nossa liga, aí saberiam quem é Arshavin". A frase é do jovem jornalista russo Roman Anin, que trabalha no jornal Novaya Gazeta e virou praticamente "celebridade" após o treino da Rússia nesta terça-feira, em Viena, na Áustria.

Como as entrevistas que estavam marcadas para depois do treino foram canceladas, a imprensa mundial tentou descobrir o segredo desta Rússia, semifinalista da Eurocopa, conversando com os poucos jornalistas locais que falam inglês. E a grande questão foi: por que só agora apareceu o futebol de Andrei Arshavin, 27 anos, um dos craques do torneio?

Segundo Anin, o motivo número um é o desconhecimento sobre o futebol russo.

- Ele vem jogando bem há muitos anos com a camisa do Zenit - diz.

Mas por que, então, ele não esteve na Copa de 2002 e na Euro de 2004?.

- É porque o técnico anterior era bairrista e tinha problemas com o Zenit, era uma situação complicada. Mas Guus Hiddink acabou com isso - afirmou.

Este não foi o único elogio destinado a Hiddink, o homem que mudou a situação do futebol do país. Leia abaixo trechos da entrevista do jornalista russo ao Terra.

Terra - Por que ninguém sabia quem era Arshavin antes desta Eurocopa?

Roman Anin - A principal razão é que ninguém acompanha o nosso futebol. Mas outra coisa é que só agora Arshavin disse que quer sair e jogar em outro lugar, então as pessoas e os clubes estão prestando mais atenção nele.

Terra - Guus Hiddink é o maior articulador da revolução que vive o futebol russo?

Roman Anin - Ele é a principal razão de estar acontecendo isso, temos um novo time e eles estão confiantes. Hiddink não veio só para treinar, mas para fazer nosso futebol melhor e desenvolvê-lo. E por isso temos um dos melhores times do torneio.

Terra - E como ele conseguiu em tão pouco tempo?

Roman Anin - Não sei o segredo dele, mas posso ver que nossos jogadores estão muito relaxados e confiantes, e eles nunca foram assim. Nos últimos anos eles vinham para o torneio só para competir e sair na primeira fase, mas os jogadores atuais vieram aqui para vencer. Hiddink mudou a mentalidade deles, fez com que eles acreditassem neles mesmos.

Terra - Imagino que as coisas devam estar animadas na Rússia...

Roman Anin - Está uma loucura. Todos os dias minha família me liga e fala sobre isso. À Praça Vermelha vão milhares e milhares de pessoas ver os jogos pela TV e logo passam a noite pulando e cantando. Ninguém acreditava que isso ia acontecer, para a Rússia é um milagre. E se pessoas vêem um milagre o que elas fazem? Comemoram.