Após tricampeonato, Inter analisa futuro de Adriano

Portal Terra

RIO - Recém-consagrada campeã da liga italiana, a Inter de Milão projeta agora mudanças que poderão dar nova cara ao clube, sobretudo se Roberto Mancini realmente deixar seu lugar a um novo treinador. Além de organizar a planilha de contratos, a nova Inter terá que decidir o destino de um "novo" Adriano, que termina agora em junho sua estadia no São Paulo e volta ao futebol italiano com 16 gols marcados com a camisa do time paulista, em um total de 27 jogos. A informação é da Agência Ansa.

A certeza que o presidente Massimo Moratti promete para os torcedores é uma maior presença de jogadores italianos no elenco. Atualmente, dos 28 jogadores da Inter, somente quatro provém da Itália, incluindo os dois goleiros reservas. E Moratti talvez tenha que somar na conta a perda de Materazzi, que poderia deixar o clube na próxima temporada.

O meio-campo é o setor que mais pode sofrer mudanças e pedir reforços: Maniche voltará certamente à Espanha; a permanência de Jimenez pode custar 10 milhões de euros; e Figo provavelmente encerrará sua carreira, sobretudo se Mancini continuar como treinador da Inter.

Não será fácil deixar o clube com uma cara menos internacional, já que ainda não se conhece o nome do treinador para a próxima temporada e já que a promessa de Moratti para o centenário da Inter é investir pesado nas contratações.

Outro brasileiro que também poderia integrar a equipe centenária é Ronaldinho, que deixará o Barcelona, mas ainda está com destino incerto.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais