Milan: Ronaldinho prefere jogar na Itália

Agência ANSA

MADRI - O representante do Milan na Espanha, Ernesto Bronzetti, disse que o meio-campista Ronaldinho, do Barcelona, prefere jogar no time italiano, que ofereceu 15 milhões de euros por seu passe, a ir para o Manchester City, autor de uma oferta de 40 milhões.

- Foi Ronaldinho quem disse que não quer ir para o Manchester City, que só aceita ir para o Milan, com o qual já acertou inclusive as condições de seu contrato - afirmou Bronzetti.

De acordo com o jornal catalão Sport, a primeira proposta do Milan foi de 10 milhões de euros. A última investida da equipe italiana subiu para 15, mas o clube já avisou que "não está disposto a fazer loucuras" para ter Ronaldinho.

Silvio Berlusconi, presidente do Milan, já havia dito que "é claro que Ronaldinho quer vir para cá: primeiro porque o Milan é campeão mundial; segundo porque temos outros brasileiros; e terceiro porque ele sabe como tratamos nossos jogadores. Talvez paguemos menos que os outros, mas damos mais glória".

Inicialmente, o Barcelona pediu 50 milhões de euros por Ronaldinho, que pode se despedir do time catalão nesta quarta-feira, contra o Manchester United, na Inglaterra, pela volta das semifinais da Copa dos Campeões.

- Deverá ser assim - cogitou o técnico do time catalão, Frank Rijkaard, que disse estar do lado de Ronaldinho porque "não se pode esquecer tudo o que ele fez pelo clube". - Jamais protegi Ronaldinho demais e jamais ele me causou problemas - acrescentou.