Federer diz que Roland Garros não é seu maior objetivo nesta temporada

Agência EFE

LISBOA - O suíço Roger Federer, número um do mundo, afirmou hoje que a conquista do torneio de Roland Garros, único do Grand Slam que lhe falta, não é sua prioridade para esta temporada.

- Vencer Roland Garros não é meu maior objetivo este ano, mas adoraria conquistá-lo em 2008 porque é um ano muito especial, com os Jogos Olímpicos. Mas é claro que é uma das minhas grandes metas - comentou Federer.

Nesta quinta, o suíço se classificou às quartas do torneio de Estoril, no saibro, ao despachar o romeno Victor Hanescu por 6-3 e 6-2.

Federer também falou sobre sua dificuldade de competir na terra batida, uma das razões pelas quais ainda não venceu o Grand Slam francês - a outra é o espanhol Rafael Nadal, número dois do mundo e absoluto neste piso:

- Ele venceu todos, é o homem a ser batido no saibro nesta temporada. Se ele não existisse, talvez já tivéssemos um tenista a conquistar três vezes o Grand Slam - disse Federer sobre ele mesmo.

Os anos em questão são de 2005 a 2007, quando o suíço conquistou os títulos do Aberto da Austrália, Wimbledon e US Open - que completam o Grand Slam -, mas acabou perdendo para Nadal em Paris nas três temporadas, sendo duas delas na final.

Mesmo assim, ele não desiste: 'Venci Nadal na final do Masters de Hamburgo (no saibro) e foi um grande resultado para mim. Agora tentarei o melhor de novo este ano para vencê-lo em Roland Garros'.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais