Às vésperas da aposentadoria, Guga soma 20 títulos

Portal Terra

RIO - O tenista Gustavo Kuerten conquistou 20 torneios do circuito da ATP desde que iniciou sua carreira profissional, em 2005. Nos últimos 13 anos, arrecadou mais de US$ 14 milhões (equivalente a R$ 23,5 milhões atuais) em prêmios.

O catarinense foi influenciado a começar no esporte principalmente pelo pai, Aldo Kuerten, ex-jogador de basquete e árbitro de tênis, que morreu ao apitar um jogo quando Guga tinha apenas oito anos. Ele começou a arriscar os primeiros golpes num clube de Florianópolis e, em 1984, com sete anos de idade, conquistou seu primeiro campeonato em categorias infantis.

A primeira conquista profissional de Guga ocorreu em 1997, em Roland Garros, título que elevou o então 66º colocado no ranking à 15ª colocação e à condição de ídolo nacional. Em 2000 e 2001, ele voltaria a vencer a competição mais importante do saibro no planeta.

Uma das conquistas mais inesquecíveis, segundo o próprio tenista, ocorreu no Master Cup de Lisboa, em 2000. Ele derrotou Andre Agassi na grande final, mas antes já havia passado pelo sueco Magnus Norman, Yeugeny Kafelfinok e Pete Sampras. O resultado fez com que ele fechasse o ano como o tenista número um do mundo.

Até aqui, foram 358 vitórias na carreira e 193 derrotas.

- Quero pelo menos ter a de número 359 nessa noite - brincou Gustavo Kuerten.

Títulos Conquistados:

Roland Garros - 1997/2000/2001

Master Cup Lisboa - 2000

Brasil Open - 2004 e 2002

São Petesburgo e Auckland - 2003

Stuttgart, Monte Carlo, Acapulco, Buenos Aires e Ciccinatti - 2001

Indianópolis, Santiago e Hambrugo - 2000

Roma e Monte Carlo - 1999

Mallorca e Stuttgart - 1998

Vitórias ao longo da carreira: 358

Derrotas: 193

Prêmios: US$ 14.767.388