Fifa abre centro médico especializado na África do Sul

Agência EFE

JOHANESBURGO - A Fifa inaugurou nesta segunda-feira na Universidade de Witwatersrand, na cidade sul-africana de Johanesburgo, seu primeiro centro médico de excelência no continente, com o objetivo de proporcionar assistência especializada aos atletas da região.

A medida se enquadra na estratégia da Comissão de Medicina Esportiva da Fifa de criar uma rede de centros especializados no mundo todo e melhorar o padrão de atendimento médico em todos os níveis.

O médico Jiri Dvorak, à frente da área médica da Fifa, disse na inauguração que o centro oferecerá aos jogadores "os mais modernos métodos de prevenção, tratamento e reabilitação".

- Temos muito prazer em inaugurar esta instalação no país-sede da Copa do Mundo de 2010. Desta forma criaremos um legado que vai além deste evento, pois educaremos a nova geração de especialistas clínicos africanos no âmbito da medicina do futebol - disse.

Danny Jordaan, diretor-executivo do Comitê Organizador da Copa de 2010, assegurou que a África do Sul é uma referência mundial na medicina esportiva e que a inauguração do centro médico é um passo à frente na criação de uma herança que irá além do torneio.