Derrota do Barça põe Rijkaard na corda bamba

Agência EFE

MADRI - A indignação pelo fato de o Barcelona ter perdido de 3 a 2 no último sábado para o Bétis pelo Campeonato Espanhol, após ter feito 2 a 0 no primeiro tempo, deixou a situação do técnico holandês Frank Rijkaard instável.

Rijkaard comandará o Barcelona na próxima terça contra o Schalke 04 em partida fora de casa válida pelas quartas-de-final da Liga dos Campeões, mas um novo tropeço pode determinar sua saída do clube.

No momento a impressão é de que apenas o presidente do Barcelona, Joan Laporta, e o secretário-técnico do clube, Txiki Begiristain, continuam confiando no holandês.

Rijkaard continua sofrendo críticas quanto a sua capacidade de reerguer o time em momentos de dificuldade e de tirar o máximo de seus jogadores nestas situações. A mais recente derrota do Barça criou mais dúvidas quanto ao desempenho do treinador. Parte da imprensa já aposta em sua demissão diante do estado de espírito vivido atualmente no clube.

Após perder para o Bétis, o Barcelona caiu para a terceira colocação do Campeonato Espanhol, com 58 pontos, ficando logo atrás do Villareal, que chegou a 59 após vencer o Atlético de Madri por 3 a 0.

A oito rodadas do fim da competição parece que o Barcelona definitivamente terá que deixar de lado a disputa pelo título espanhol para se dedicar à Liga dos Campeões.