"Ele é fenomenal; eu não", diz Pato sobre Ronaldo

Portal Terra

LONDRES - O atacante Alexandre Pato foi o jogador mais festejado pela torcida brasileira, maioria entre os 60.021 pagantes no Emirates Stadium, após a vitória por 1 a 0 sobre a Suécia, na última quarta-feira. O jogador, que estreou pela Seleção principal, marcou o único gol da partida aos 26min do segundo tempo, 12 depois de entrar em campo.

Após o jogo, o atacante do Milan evitou comparações com Ronaldo, companheiro de equipe que se recupera de cirurgia no joelho esquerdo.

- Ele é fenomenal; eu não. Estou começando agora e tenho de ter calma, pois as coisas estão acontecendo muito rápido - afirma o jogador.

Já o técnico Dunga diz que a facilidade para fazer gol não é a única semelhança entre os dois atacantes.

- Eles sabem fazer gol. Mas o Pato é tímido, assim como o Ronaldo quando tinha 18 anos. Se bem que o Pato é mais tímido - diz o treinador, que era capitão da Seleção quando Ronaldo era reserva do ataque na campanha que resultou na conquista do tetracampeonato mundial, em 1994, nos Estados Unidos.

O atacante do Milan, que entrou no lugar de Luís Fabiano no segundo tempo, admite que contou com uma importante ajuda para marcar o gol da vitória sobre a Suécia.

- Estou muito contente, mas tive sorte de a bola ter ficado ao meu lado. Ainda tive mais sorte de ter batido bem - completa.