Alonso diz estar satisfeito 'e nada mais' com resultado na Austrália

Agência EFE

MELBOURNE - O espanhol Fernando Alonso, da Renault, disse estar satisfeito 'e nada mais' com o quarto lugar obtido hoje no Grande Prêmio da Austrália, etapa de abertura do Mundial de Fórmula 1 deste ano.

Alonso disse que a corrida no circuito de Albert Park provocou "muito estresse' entre os membros de sua escuderia, devido aos diversos imprevistos que surgiram durante a prova.

O espanhol contou que quase ficou sem gasolina durante uma das três vezes em que o safety car entrou na pista, já que é proibido reabastecer naquele momento.

O colega de escuderia do brasileiro Nelsinho Piquet - que abandonou a prova com problemas no câmbio - também afirmou que a disputa pela quarta colocação com o finlandês Heikki Kovalainen, da McLaren, foi emocionante.

Alonso falou que o quarto lugar foi 'muito melhor do que o esperado', mas lembrou que dificilmente chegaria a este resultado se a corrida na Austrália não fosse tão conturbada.

Quando perguntado se foi bom ultrapassar a McLaren no fim da prova, o espanhol disse que 'é bom superar qualquer um' em tal ponto da corrida. No entanto, o piloto da Renault destacou que o carro da escuderia inglesa era 'claramente superior' ao seu.

Para Alonso, este fim de semana foi como 'uma roda-gigante', na qual a escuderia 'subia e descia dependendo da sessão. É preciso melhorar um pouco de tudo', concluiu.

A próxima etapa do Mundial de Fórmula 1 será disputada no circuito de Sepang, na Malásia, às 4h do próximo domingo (horário de Brasília).