Dezenas protestam em Santiago contra visita de Rice

REUTERS

SANTIAGO - Cerca de 30 pessoas protestaram na sexta-feira em frente à sede do governo chileno contra a visita da secretária de Estado norte-americana, Condoleezza Rice.

Os manifestantes queriam entregar uma carta à presidente chilena, Michelle Bachelet, e tentaram queimar um enorme chapéu pintado com as cores da bandeira dos Estados Unidos, mas foram contidos pela polícia, que deteve o protesto e prendeu várias pessoas.

'Condoleezza é persona non grata', lia-se em um dos cartazes levados pelos manifestantes, a maioria jovem.

O protesto foi organizado pelo Partido Comunista do Chile. Rice fará uma visita oficial nesta sexta-feira de apenas algumas horas.