Cominges reforça Caracas contra o Cruzeiro

Agência EFE

CARACAS - O Caracas confirmou a presença do meio-campo peruano Juan Cominges, que estava machucado, na partida de terça contra o Cruzeiro na capital venezuelana, pela liderança do grupo 1 da Copa Libertadores.

Segundo Javier Peralta, médico do time venezuelano, os exames feitos quarta-feira descartaram qualquer possibilidade de lesão na coluna, o que permitirá ao jogador estar em campo na terça.

- Cominges fez os exames e não apresentou nenhuma lesão. Ele treinou 100% nesta quinta-feira e poderá começar a partida contra o Cruzeiro - disse o médico.

O meio-campo será poupado da partida de amanhã diante do Deportivo Táchira, pela oitava rodada do Torneio Clausura do Campeonato Venezuelano.

Com relação ao restante da equipe, o atacante Rafael Castellín estará liberado e fica ao menos no banco no jogo contra o Cruzeiro, o que não acontecerá com o volante Alejandro Guerra, que ainda precisa de vários dias para concluir sua recuperação.

Castellín retorna aos gramados após realizar uma operação na mão direita há cerca de um mês.

Outro jogador com problemas é o atacante Emilio Rentería, que não tem a escalação garantida por causa de dores na perna esquerda.

O Cruzeiro lidera o grupo 1 da Libertadores com 7 pontos, enquanto o Caracas aparece em segundo com um ponto a menos.