Ronaldinho Gaúcho deve enfrentar o Sevilha

Agência EFE

BARCELONA - Os vários desfalques que o técnico do Barcelona, Frank Rijkaard, terá que enfrentar para o jogo do Campeonato Espanhol contra o Sevilla podem levar Ronaldinho Gaúcho a ser titular, 48 dias após a última atuação do brasileiro entre os titulares, contra o Real Madrid no Camp Nou.

Na ausência de Samuel Eto'o, finalista da Copa da África com a seleção de Camarões, e sem o espanhol Bojan, que ainda sofre com gastrenterite, Rijkaard também pode ter problemas com o mexicano Giovanni dos Santos, que deve chegar nesta sexta-feira a Barcelona procedente de Houston, com pouco tempo para se recuperar antes de viajar a Sevilha.

Assim, com Thierry Henry e Lionel Messi como únicos atacantes à disposição do treinador, a partida contra o Sevilla aparece como a ocasião perfeita para o retorno definitivo de Ronaldinho Gaúcho.

O brasileiro tinha jogado contra o Villarreal na Copa do Rei, por 15 minutos, e contra o Osasuna pelo Espanhol, por 22 minutos, mas foram duas atuações de pouco impacto.

Após ficar quase todo o mês de janeiro sob a supervisão dos preparadores físicos do clube, em uma pré-temporada particular e feita sob medida, Ronaldinho Gaúcho está pronto para ser novamente titular.

Na prática, as ausências quase obrigam Rijkaard a recorrer ao brasileiro e abrir, possivelmente, o debate sobre a influência do jogador na equipe, já que muitos acham que o Barça jogou melhor nesta temporada sem Ronaldinho Gaúcho.